História da Religião no Brasil: O Ensino Religioso e a Catequese na Sociedade Brasileira

Maria de Fátima Pimentel Pereira Galvêas

Resumo


No Brasil, tivemos momentos históricos onde a Educação Religiosa possibilitou a inclusão social e contribuiu com a melhoria na qualidade de vida. A educação deve prepara o aluno para a cidadania, e a escola tem como finalidade levar o aluno a adquirir conhecimentos, desenvolvendo habilidades sociais que antes eram apenas responsabilidade familiar. Nesse contexto social, o ensino deverá atender às necessidades e às expectativas da sociedade. Nesse artigo é feita uma abordagem histórica do Ensino Religioso no Brasil, analisando a realidade social, interpretando a História ao longo do tempo e refletindo dentro do contexto onde se destaca o Ensino Religioso. Sendo assim, esse artigo não é só sobre a Catequese nas Igrejas, mas a disciplina religiosa ensinada nas escolas.

      As escolas são realidades sociais e necessárias como educação, devendo preocupar-se não só com o conhecimento do sujeito, mas também com o seu potencial, como por exemplo, levando o aluno a refletir sobre a religião como objeto da História Científica e comparando-a aos contextos históricos na sociedade, relativizando com o tempo cronológico e suas percepções culturais, políticas, religiosas e históricas. Sendo assim, a educação nos ajuda a entender as relações humanas, levando para muito além de somente o pluralismo do Ensino Religioso educativo escolar. O posicionamento crítico frente aos fatos históricos e sociais, nos mostra, ao longo do tempo, a importância educacional por meio do Ensino Religioso em sintonia com a Catequese.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.