A ESPIRITUALIDADE NA ASSISTENCIA RENAL: REVISÃO BILIOGRÁFICA

Oliveira Darlon Oliveira

Resumo


A saúde pode ser definida como um estado ou processo no qual o indivíduo se encontra em perfeito equilíbrio orgânico. Diversos são os fatores que podem contribuir para que o organismo promova tais desequilíbrios e contribua para o aparecimento de inúmeras patologias. A doença renal crônica também conhecida como DRC é considera como a perda irreversível da função e atividade renal ou seja filtração dos rins. Este comprometimento faz com que todo o sistema do equilíbrio metabólico e hidrolítico do indivíduo seja comprometido. Ao ser diagnosticado com doença renal muitos dos pacientes entram num quadro de medo e ansiedade mediante as possibilidades de submeterem á procedimentos de hemodiálise, diálise ou transplante renal comprometendo e limitando ainda mais as suas funcionalidades. Neste contexto pacientes com doenças crônicas buscam na fé, na espiritualidade um apoio como estratégia de amenizar, compreender e lidar de forma esperançosa com sua doença. O estudo teve como objetivo realizar uma revisão de literatura sobre a espiritualidade em pacientes renais crônicos. Foi realizado uma revisão bibliográfica, utilizando artigos científicos, livros-texto, dissertações e teses, tendo como base os seguintes bancos de dados: LILACS, MEDLINE e SCIELO, estando os artigos publicados na língua portuguesa, inglesa e espanhola. Para a realização deste estudo houve uma busca na literatura no período de Março a Julho de 2016. A doença renal crônica é uma patologia que pode contribuir para que o paciente apresente diversos comportamentos perante esta doença: medo angustias, frustações e uma diminuição em sua qualidade de vida. A espiritualidade é um fator positivo para este tipo de paciente uma vez que desempenha um amento em sua autoestima contribuindo para que o doente minimize os efeitos negativos oriundos da doença renal além de promover maiores expectativas durante o tratamento da doença.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.