Implantação do Protestantismo no Brasil: aspectos sociais e políticos – Parte II

Wanderley Pereira da Rosa

Resumo


Este artigo se propõe apresentar a segunda parte do texto sobre a implantação do protestantismo no Brasil. Desta feita o foco recai sobre a história da inserção dos batistas no país e as questões relacionadas aos seus posicionamentos acerca da escravidão. Além disso, as primeiras articulações rumo a um diálogo e cooperação entre os diversos grupos protestantes também são abordadas, bem como as relações deste protestantismo com os ideais liberais que caracterizavam intelectuais e políticos brasileiros da segunda metade do século XIX com destaque para a relação com a maçonaria e o projeto educacional dos missionários.

This paper proposes to present the second part of the text on the implantation of Protestantism in Brazil. This time the focus is on the history of the insertion of Baptists in the country and the issues related to their position on slavery. In addition, the first articulations towards a dialogue and cooperation among the different Protestant groups are also addressed, as well as the relations of this Protestantism with the liberal ideals that characterized Brazilian intellectuals and politicians of the second half of the XIX century, emphasizing the relation with the Masonry and the Educational Project of Missionaries.


Texto completo:

PDF

Referências


BONINO, José Miguez. Rostos do Protestantismo Latino-Americano. São Leopoldo: Sinodal e Escola Superior de Teologia, 2003.

CRABTREE, A. R. Historia dos Baptistas do Brasil - até o anno de 1906. Rio de Janeiro: Casa Publicadora Baptista, 1937.

DORNAS FILHO, João. O Padroado e a Igreja Brasileira. São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Porto Alegre: Companhia Editora Nacional, 1938.

FERREIRA, Júlio Andrade. História da Igreja Presbiteriana do Brasil – em comemoração ao seu primeiro centenário. Volume I. São Paulo: Casa Editora Presbiteriana, 1959.

GARCEZ, Benedicto Novaes. Mackenzie. São Paulo: Casa Editora Presbiteriana, 1970.

LÉONARD. O Protestantismo Brasileiro. São Paulo: ASTE, 2002.

LESSA, Vicente Themudo. Anais da 1ª Igreja Presbiteriana de São Paulo [1863-1903] - subsídios para a história do presbiterianismo brasileiro. São Paulo: Editora Cultura Cristã, 2010.

MATOS, Alderi Souza de. Erasmo Braga, o Protestantismo e a Sociedade Brasileira - perspectivas sobre a missão da igreja. São Paulo: Cultura Cristã, 2008.

MENDONÇA, Antônio Gouvêa. O Celeste Porvir: a inserção do protestantismo no Brasil. São Paulo: Pendão Real e ASTE. 1995.

PEREIRA, Nilo. Conflitos Entre a Igreja e o Estado no Brasil. Recife: Editora Massangana, 1982.

RAMALHO, Jether Pereira. Prática Educativa e Sociedade – um estudo de sociologia da educação. Rio de Janeiro: Zahar, 1976.

REILY, Duncan Alexander. História Documental do Protestantismo no Brasil. São Paulo: ASTE, 2003.

SILVA, Elizete da. William Buck Bagby – um pioneiro batista nas terras do Cruzeiro do Sul. Rio de Janeiro: Novos Diálogos, 2011.

SILVA, Elizete; SANTOS, Lyndon de Araújo; ALMEIDA, Vasni de (Org). “Fiel é a Palavra” – leituras históricas dos evangélicos protestantes no Brasil. Feira de Santana: UEFS Editora, 2011.

SOUZA, Silas Luiz. Pensamento Social e Político no Protestantismo Brasileiro. São Paulo: Mackenzie, 2005.

VIEIRA, David Gueiros. O Protestantismo, a Maçonaria e a Questão Religiosa. Brasília: UNB, 1980.

VILLAÇA, Antonio Carlos. História da Questão Religiosa no Brasil. Rio de Janeiro: Livraria Francisco Alves Editora, 1974.




DOI: http://dx.doi.org/10.20890/reflexus.v11i18.630

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Wanderley Pereira da Rosa

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.