Geschichte des interreligiösen Dialogs

Ulrich Dehn

Resumo


O diálogo inter-religioso tem uma longa história e, para que ele ocorra, é preciso ter em mente que os interlocutores têm direitos iguais. A história de alguns projetos e iniciativas de diálogo inter-religioso demonstra que há uma grande variedade de diálogos e encontros, sem mencionar as atividades menores e menos importantes que ocorreram ao longo da história, como grupos de diálogo local, grupos de estudos inter-religiosos em Universidades, de leitura da Bíblia, do Alcorão, fóruns inter-religiosos ou debates sobre as religiões em grandes cidades ou outros espaços. É importante destacar que pessoas de diferentes religiões devem participar do diálogo em pé de igualdade, sem que uma religião domine a outra. Nesse sentido, a análise da história do diálogo inter-religioso nos oferece uma oportunidade de ver e avaliar que tipo de diálogo foi frutífero, suas dificuldades e por onde devemos continuá-lo, a fim de entender melhor as religiões e, portanto, lutar também pela paz e contribuir para uma vida próspera juntos.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.20890/reflexus.v14i1.2371

Apontamentos

  • Não há apontamentos.