O ATEÍSMO METODOLÓGICO: Teologia e hermenêutica existencial

Elton V. Sadao Tada

Resumo


Resumo: O presente trabalho busca apontar o ateísmo metodológico como intersecção entre existencialismo, hermenêutica e religião. Para tanto, são apresentadas noções do existencialismo e de sua relação com os estudos teológicos e de religião bem como as particularidades da hermenêutica existencialista. O artigo analisa noções de Jean-Paul Sartre, Paul Tillich, Martin Heidegger e John Caputo sobre o existencialismo, a hermenêutica e a religião, sendo elas problematizadas no fim do estudo a partir das reflexões do filósofo brasileiro Benedito Nunes. Tendo como base as referências estudadas faz-se por fim o questionamento sobre os posicionamentos a serem adotados atualmente acerca da relação entre existencialismo, hermenêutica e religião.

Palavras-chave: Existencialismo. Hermenêutica. Teologia. Estudos de Religião. Fenomenologia.

Abstract: This paper aims to point out methodological atheism as an intersection between existentialism, hermeneutics and religion. In order to do that, it presents concepts of existentialism and its relationship both with theological studies and religion and existentialist hermeneutics. The paper analyses Jean-Paul Sartre, Paul Tillich, Martin Heidegger and John Caputo concepts of existentialism, hermeneutics and religion. It also problematizes them from the point of view of the Brazilian philosopher Benedito Nunes. Finally, basing on the presented references, it challenged positions assumed related to existentialism, hermeneutics and religion.

Keywords: Existentialism. Hermeneutics. Theology. Religious Studies. Phenomenology.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.20890/reflexus.v8i11.190

Apontamentos

  • Não há apontamentos.