AS CONTRIBUIÇÕES DAS RELIGIÕES PARA O ENFRENTAMENTO DA VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

Líbia Kícela Goulart

Resumo


É incontestável a evolução da condição da mulher na sociedade contemporânea. A partir dos anos 60 com os movimentos feministas muitas conquistas foram alcançadas. Assim a segunda metade do século XX foi marcada por uma progressiva emancipação das mulheres das tutelas patriarcais e das relações de violência que elas envolvem. Entretanto, embora se tenha avançado significativamente, a violência contra a mulher ainda é uma realidade latente. O presente trabalho aborda as contribuições das religiões para o enfrentamento e superação da violência doméstica no município de Itaperuna-RJ. O estudo é relevante uma vez que pode contribuir para uma reflexão crítica dos envolvidos nessa trama a fim de conscientizar sobre seus direitos e garantias positivados, sendo a religião um instrumento para a superação e enfrentamento da violência, uma vez que os membros das pastorais e missionários tem acesso a informações que profissionais da área jurídica e da saúde têm mais restrições. O referido tema traz no seu bojo uma discussão acerca afetividade da Lei Maria da Penha, os direitos humanos assegurados aos cidadãos, bem como as políticas públicas de prevenção e enfrentamento à violência contra as mulheres. Assim, mostra-se pertinente a análise do tema diante do cenário nacional marcado por estatísticas crescentes de violência contra à mulher, atrelado a ações por todos os setores da sociedade brasileira que visam a superação da violência.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.