“O MEU DESEJO É A VIDA DO MEU POVO” (EST 7,3): A JOVEM ESTER ILUMINANDO A PRÁXIS DE JUSTIÇA E ESPERANÇA DA PASTORAL DA JUVENTUDE

Joilson de Souza Toledo

Resumo


Um dos elementos centrais para impulsionar a práxis do Cristianismo da Libertação Latino-americano tem sido sua hermenêutica bíblica. O jeito de ler (reler) perícopes e reconhecer personagens da Bíblia tem iluminado a trajetória de muitos cristãos e cristãs. Com a Pastoral da Juventude (PJ), expressão juvenil desta maneira de seguir Jesus, não tem sido diferente. A apreensão que a PJ faz das narrativas que destacam pessoas jovens na Bíblia tem fomentado sua práxis de construção de uma sociedade justa e fraterna. Nesta comunicação apresentamos a leitura feita da pessoa de Ester. A interpretação feita desta narrativa sagrada fundamenta e fomenta uma experiência do sagrado em que fé e militância social constituem uma unidade. Em seu jeito de viver a fé, os jovens da PJ entendem que se originam em Deus o desejo, a construção de estratégias e a busca da vida do povo. Palavras-chave: Hermenêutica Bíblica. Juventudes. Libertação.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.