APROPRIAÇÃO CULTURAL COM VISTAS AO EVANGELISMO/PROSELITISMO. O CASO DO REBORN STRIKE FIGHT DA IGREJA RENASCER EM CRISTO

Reinaldo Olécio Aguiar

Resumo


O texto objetiva apresentar um tipo específico de apropriação cultural, na Igreja Renascer em Cristo, considerada uma igreja neopentecostal, com a premissa de alcançar novos adeptos. A utilização de lutas de artes marciais mistas (MMA), que se dá no evento denominado Reborn Strike Fight, revela-se uma estratégia para atrair jovens de várias classes sociais, seja pela presença de lutadores ligados a Igreja Renascer, seja pela popularidade deste tipo de esporte. O texto está dividido em três partes: na primeira, apresentam-se dados introdutórios ao Reborn Strike Force, para familiarizar o leitor com o universo do MMA. Na segunda, analisa-se o aspecto mais destacado deste evento, a violência, a partir da compreensão de Girard, com destaque para as categorias de sacrifício e desejo mimético. Na terceira parte, aplicam-se os apontamentos teóricos ao propósito declarado do evento (evangelismo/proselitismo), com o objetivo de definir o que denominamos violência simbólica, expressa na sobreposição da pertença anterior do novo adepto.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.