MISSÃO E URBANIZAÇÃO NO SÉCULO XXI: O DESAFIO MISSIONÁRIO NA CIDADE

Jefferson Grijo

Resumo


O tema desta pesquisa é a missão em meio à urbanização no século XXI, levando em consideração o grande desafio que se tornou a cidade para a missão. A hipótese de trabalho é que os modelos de igrejas que estão nas cidades ainda guardam fortes características da ruralidade, não estando plenamente adaptados à nova realidade. No Brasil, 80% da população atual vive nas cidades, e essa mudança aconteceu em um curto espaço de tempo. Por isso talvez a igreja na cidade ainda traga tantos traços inadequados à vida urbana. Propomos uma prática eclesial e missionária diferente, buscando enfatizar as formas coletivas e comunitárias de igreja, por meio da participação da igreja-em-missão na vida pública, ou seja, uma igreja missional na cidade. Sugerimos modelos mais simples de congregar, considerando o ritmo da vida urbana com suas rápidas transformações. A crise que a igreja tem vivenciado na cidade demonstra a necessidade de uma nova postura missionária, tanto no contato real na prática como em alguns aspectos teológicos da missão. Basicamente, considera-se o princípio de que a vida citadina contemporânea tem ritmo acelerado e o cidadão não dispõe de muito tempo. O contexto da América Latina parece indicar que o ser humano urbanizado ainda manifesta o desejo de vínculo à religião, mas ela se situa na contramão do curso da vida na cidade.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.